A9 – RADIAL DA PONTINHA / RADIAL DE ODIVELAS – REABILITAÇAO / REFORÇO PH’S 30.3, 30.4 E 30.5 – LOURES / LISBOA

DESCRIÇÃO DA OBRA:

Trata-se de executar um encamisamento total de três PHs da Brisa, na zona das portagens de Loures, PH 30.3, PH30.4 e PH 30.5.

As obras existentes com grandes extensões de 146.31m, 86.72m, 154.16m, degraus intermédios e inflexões longitudinais, alturas de aterro superiores a 15m e sem acessibilidade às bocas, apresentavam sinais visíveis de rotura, existindo troços escorados com estrutura metálica na PH 30.3 e PH 30.5.

Foi executada uma estrutura interior de betão armado C35/45 e aço A500 NR, através de betonagem in situ com recurso a linha de bombagem. Para a zona escorada foi apresentada pela CROPE uma solução alternativa, que consistiu na execução da seção na zona escorada sem septos, que além de condicionarem fortemente os trabalhos, a impossibilidade ergonómica na execução dos mesmos, introduziam também constrangimentos ao escoamento.

DATA: 2018 / 2020

VALOR DA OBRA: 793.571,54 €

Ver mais

IC2, KM 203+400, SUSTITUIÇAO DE AQUEDUTO – MEALHADA / AVEIRO

DESCRIÇÃO DA OBRA:

Trata-se de obra de drenagem consistindo na substituição de um aqueduto.

O aqueduto existente sob a EN 1 antiga e sob o IC2 localizado a profundidade significativa, teve abatimentos que provocaram a obstrução em diversos locais dificultando o escoamento das águas pluviais.

Foi executado um novo aqueduto ø800 com cerca de 60m de extensão, com localização divergente do existente.

Para atravessamento do IC2, com tráfego muito intenso, foi executada uma solução variante apresentada pela CROPE, através de perfuração horizontal com negativo de encamisamento metálico ø1000 e tubagem interior em PVC ø800. Com esta solução, deixou de existir qualquer interferência com o tráfego do IC2 sendo impercetível a intervenção naquela via. A solução de projeto previa a execução faseada do aqueduto através de escavação a céu aberto, com condicionamentos de tráfego no IC2, de circulação alternada.

Foram ainda realizados trabalhos de preenchimento do aqueduto existente com betão fluido e pavimentação das zonas intervencionadas.

DATA: 2020

VALOR DA OBRA: 74.933,90 €

Ver mais

EMPREITADA DE EXECUÇAO DE ESTRUTURAS DE PROTEÇAO DAS CABINES DE PORTAGEM ADJACENTES Á VIA VERDE DE LOURES – LOURES / LISBOA

DESCRIÇÃO DA OBRA:

De forma a evitar os embates acidentais nas Cabines de Portagem manual, adjacentes às Vias Verdes, a Auto Estradas do Atlantico decidiu implantar Desviadores metálicos.

A obra consistiu na escavação da zona dos maciços em betão armado, desvio de serviços afetados, execução de microestacas inclinadas de ancoragem.

Pré-fabricação de Estrutura Metálica, metalizada e pintada em metalomecânica, aplicação do desviador com ligação aparafusada ao maciço.

Execução num prazo de 15 Dias para os dois Desviadores.

DATA: 2018

VALOR DA OBRA: 40.907,58 €

Ver mais

EN120-1, KM 012+684, PASSAGEM HIDRÁULICA. REFORÇO DA OBRA DE ARTE – SINES / SETUBAL

DESCRIÇÃO DA OBRA:

Obra de reabilitação e Reforço estrutural onde, a existente, é um arco metálico tipo “Armco” de seção ovóide com 8,21 m de vão e extensão de 22,20 m, apresentando degradação acentuada da chapa por corrosão.

Foi executado o tratamento da chapa metálica com limpeza, decapagem e aplicação de óxido de zinco.

Posteriormente foi executado por 3 fases e em módulos de 5m um anel de betão armado com 0.25m de esp. mínima em todo o contorno.

Principais trabalhos:
Limpeza geral e tratamento da estrutura metálica
Betão C30/37 e aço a500NR
Cofragem tipo túnel pré montada deslizando sobre carris
Enrocamentos argamassados a montante e a jusante.

DATA: 2017

VALOR DA OBRA: 86.819,74 €

Ver mais

EN347, KM 17+583, PONTE SOBRE O RIO MONDEGO – PROTEÇÃO DA ZONA ENVOLVENTE DAS FUNDAÇÕES DOS PILARES P4, P5, P6 E P7 – MONTEMOR O VELHO

DESCRIÇÃO PROJETO

Existindo fossas de erosão nos pilares centrais da Ponte, bem como depósito de grandes quantidades de material lenhoso, procedeu-se aos seguintes trabalhos:

Criação de acessibilidades

Limpeza do material lenhoso

Colocação de enrocamento sobre geotêxtil de 400 g, camada de betão, com utilização de plataforma flutuante, em 4 pilares

Arranjo paisagístico.

DATA: 2016

VALOR DA OBRA: 48.904,84 €

Ver mais

EN 235 / EN 1 – PONTE DO CANHA ANADIA – AVEIRO

DESCRIÇÃO DA OBRA:

No local existia uma obra de cantaria de 3 vãos com secção transversal total de 6,00 m. Foi executada uma obra geminada com duas por duas vias. A infraestrutura foi concebida em fundações indirectas por estacas nos encontros e pilares estaca, ligados superiormente por travessa.

Foi desenvolvido pela CROPE projeto variante de fundações e tabuleiro. Os trabalhos foram essencialmente de demolição da obra existente, fundações indiretas por estacas moldadas  800, tanto nos pilares como nos encontros. Pilares e encontros em betão armado à vista, tabuleiro em vigas caixão pré-fabricadas de 30 m de vão, aplicação de pré-esforço de continuidade, fornecimento e aplicação de todos os equipamentos. Foi utilizada tecnologia inovadora para estabilização de solos pelo método de “Jet-Grouting” permitindo a execução das estacas sem molde ou produtos estabilizantes.

 

DATA: 2008 / 2009

VALOR DA OBRA: 793.594,81 €

Ver mais